0
Compartilhamentos
Pinterest Google+
Cena do Carnaval do Urucungos: memórias de samba e bumbo – Foto: Fabiana Ribeiro

Com imagens que revisitam os desfiles das escolas de samba, dos blocos de rua e dos momentos expressivos da cultura popular, a mostra “Do Samba ao Carnaval – A influência rítmica afrodescendente”  é atração da sala expositiva da Estação Cultura. 

O material reúne 50 painéis com os acervos do Centro de Memória da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), do Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS), da Secretaria de Comunicação de Campinas, da fotógrafa Fabiana Ribeiro e  do artista plástico Aluízio Jeremias.

A exposição traz os desfiles das Escolas de Samba da cidade, blocos históricos que influenciaram diversos coletivos atuais e a lembrança de Alceu Estevam,  um dos fundadores do grupo Urucungos, Puitas e Quijengues, por meio de suas  memórias do samba de bumbo praticado nos quintais das casas de familiares.

Serviço

Exposição  “Do Samba ao Carnaval – A influência rítmica afrodescendente”

Período: até 31 de março. De segunda a sábado, das 9h às 21h, Domingos e feriados, das  10h às 21h.

Onde: Saguão da Estação Cultura,

Endereço Praça Marechal Floriano Peixoto, s/n.

Entrada gratuita.

Post Anterior

CarnaFIT e oficinas agitam os dias de folia no Shopping Prado Boulevard

Próximo Post

Governo do Estado libera R$ 360 milhões para turismo paulista

Sem comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *