Home»Campinas»Rota das Bandeiras inicia recuperação profunda do pavimento no trecho urbano da D. Pedro I

Rota das Bandeiras inicia recuperação profunda do pavimento no trecho urbano da D. Pedro I

0
Shares
Pinterest Google+

No primeiro semestre deste ano, serão recuperados 20km nos dois sentidos da via

Em pontos mais críticos, as escavações atingem 95 centímetros e até oito camadas do pavimento são recuperadas - Foto: Divulgação/Rota das Bandeiras
Em pontos mais críticos, as escavações atingem 95 centímetros e até oito camadas do pavimento são recuperadas – Foto: Divulgação/Rota das Bandeiras

A Concessionária Rota das Bandeiras inicia nesta quinta-feira (5) a recuperação profunda do pavimento da rodovia D. Pedro I (SP-065), no trecho de Campinas. Até o fim do primeiro semestre, serão recuperados 20km nos dois sentidos da via, desde o km 125, na divisa com Valinhos, até o km 145, entroncamento com a Anhanguera.

Este é o segundo ciclo de recuperação profunda do pavimento no Corredor Dom Pedro desde o início da concessão, em 2009. Somente em 2017, serão investidos pela Rota das Bandeiras pouco mais de R$ 100 milhões neste tipo de obra, que também terá sequência na Prof. Zeferino Vaz (SP-332). A obra faz parte do cronograma de melhorias previsto no Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo.

Em alguns pontos, a melhoria exigirá a interdição ininterrupta de trechos de 1,5 quilômetro, já que há uma ‘reconstrução’ da via. Em pontos mais críticos, as escavações atingem 95 centímetros e até oito camadas do pavimento são recuperadas. Além disso, é feita melhoria na drenagem da rodovia, para que se amplie a capacidade de absorção da água das chuvas. Nos trechos em que não haverá necessidade do bloqueio 24h, a Concessionária priorizará intervenções fora dos horários de pico.

“O trecho urbano de Campinas é o ponto mais movimentado de todo o Corredor Dom Pedro, com fluxo diário médio de 125 mil veículos. Por isso, montamos um cronograma para que o impacto ao motorista seja o menor possível. Teremos atividades noturnas e, mesmo nos trechos em que será necessária a interdição ininterrupta, haverá uma ‘janela’ com liberação do tráfego às sextas-feiras, das 16h às 22h”, explica o engenheiro responsável pela obra, Abner Toledo.

A presença de pistas marginais em boa parte do trecho irá amenizar os transtornos aos motoristas durante a obra. A melhoria na pista sul (sentido Jacareí), por exemplo, só terá início após a entrega do novo trecho da marginal, entre os km 131 e 129, prevista para ocorrer ainda neste mês.

“Nossa expectativa é que tenhamos uma situação mais tranquila do que em 2012, quando houve o primeiro ciclo em Campinas, justamente por que agora já contamos com mais trechos de pistas marginais. As faixas serão interditadas de forma intercalada e, em casos específicos, o acostamento poderá ser liberado para o tráfego de veículos. Neste período de férias escolares e tráfego mais ameno, definimos que a intervenção será feita no ponto mais crítico, do km 125 até o Trevo da Leroy Merlin, no km 129”, explica o coordenador de tráfego da Concessionária, Murilo Perez.

O trecho de 4km da pista norte (sentido Anhanguera) é considerado o mais complicado do ponto de vista da fluidez por contar com um trecho de subida em apenas duas faixas, além do afunilamento no entroncamento com o anel viário Magalhães Teixeira (SP-083). A previsão da Concessionária é de recuperá-lo até o fim do mês. A interdição terá início pela faixa da direita, às 8h desta quinta-feira. Com o avanço da obra, será necessário o bloqueio de alças de entrada e saída da D. Pedro I, com desvios pelo viário municipal. Todas alterações serão definidas em conjunto com a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas).

Todo trecho será sinalizado e a movimentação será acompanhada pela equipe de Tráfego da Rota das Bandeiras e pelas câmeras de monitoramento do Centro de Controle Operacional (CCO) da Concessionária. Os motoristas serão avisados por meio dos painéis de mensagem variável (PMVs) existentes na rodovia, além dos canais oficiais da Concessionária no Twitter e Facebook.

Os usuários também podem se cadastrar no site da Concessionária – www.rotadasbandeiras.com.br – para receber boletins sobre o cronograma de obras. Outra forma de se manter atualizado é entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) da Rota das Bandeiras, por meio do telefone 0800-770-8070. O serviço é gratuito e funciona 24 horas.

Recuperação prossegue no Tapetão

A recuperação do pavimento também é realizada na rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332). Neste momento, a melhoria ocorre no trecho conhecido como Tapetão, em Campinas. A partir desta quinta-feira, a intervenção passar a ser feita na pista sentido Barão Geraldo, a partir do km 110, no semáforo da avenida Theodureto de Almeida Camargo. A obra será feita diariamente das 9h às 16h e foi definida em conjunto com a Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas).

 

Previous post

Campanha de Popularização do Teatro começa quinta-feira com 36 espetáculos

Next post

Museu Dinâmico oferece curso gratuito de Astronomia e Astrofísica

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *