Home»Campinas»MP quer redução do número de assessores na Cohab e na IMA

MP quer redução do número de assessores na Cohab e na IMA

0
Shares
Pinterest Google+

IMG_20150721_132519392

Após cobrar na Justiça a redução do número de servidores comissionados que atuam na Sanasa, Emdec e Ceasa, o Ministério Público do Estado de São Paulo ingressou agora com duas novas ações, nas quais questiona a quantidade de assessores mantidos pela Cohab e pela IMA.

Com relação à Cohab, o Ministério Público estabeleceu prazo de seis meses para que o prefeito Jonas Donizette (PSB) restrinja os 34 cargos comissionados de que a companhia dispõe hoje para, no máximo, três.

No caso da IMA, a ação requer que o número de assessores não-concursados caia de 46 para sete. As ações ainda serão analisadas pela Justiça e não há um prazo definido para a decisão. A prefeitura informou que ainda não foi notificada sobre as ações.

Previous post

Índice Firjan de Desenvolvimento Municipal sobe em sete cidades da RMC

Next post

Brasil melhora IDH em 2014, mas cai uma posição no ranking mundial

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *