Home»Geral»Volume do Cantareira sobe pela primeira vez após 10 dias de queda

Volume do Cantareira sobe pela primeira vez após 10 dias de queda

0
Shares
Pinterest Google+

Principal sistema de abastecimento de São Paulo opera com 16,1% da capacidade; Guarapiranga também subiu

A distância entre a linha da vegetação e da represa evidencia o quanto o nível da água recuou - Foto: Hélvio Romero/Estadão
A distância entre a linha da vegetação e da represa evidencia o quanto o nível da água recuou – Foto: Hélvio Romero/Estadão

As fortes chuvas que atingiram São Paulo desde o início desta sexta-feira, 25, fizeram o Sistema Cantareira, considerado o principal manancial de São Paulo, a interromper a sequência de dez dias de queda de seu volume. A capacidade neste sábado subiu 0,1 ponto percentual em relação à sexta, chegando a 16,1%, de acordo com relatório divulgado pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

O volume do Cantareira considera duas cotas de volume morto adicionadas no ano passado. Responsável por abastecer 5,2 milhões de pessoas na capital e Grande São Paulo, o sistema já superou a expectativa de chuvas para setembro. Até este sábado o manancial acumulou 138,5 milímetros, enquanto a média histórica é de 86,6 mm. Apesar disso, como o solo está muito ressequido por conta da seca histórica que atingiu a região desde o início do ano passado, a água não é totalmente absorvida.

Outros mananciais

O Sistema Guarapiranga também subiu 0,2 ponto, chegando a 77%. Já os sistemas Alto Tietê e Alto Cotia ficaram iguais. Os sistemas Rio Grande e Rio Claro caíram 0,2 ponto, chegando a 85,4% e 55,7% respectivamente.

O Sistema Alto Tietê, que atravessa crise severa, está em 15% da sua capacidade. Esse índice já leva em conta um volume morto, acrescentado no ano passado.

Agência Estado

Previous post

Conta de luz continuará com bandeira vermelha em outubro

Next post

Crise leva 253 empreiteiras à recuperação judicial

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *