Home»Cultura»Semana dos Museus traz cinema na praça, oficinas, palestras e exposições

Semana dos Museus traz cinema na praça, oficinas, palestras e exposições

0
Shares
Pinterest Google+

100_5134

“Museus para uma sociedade sustentável” é o tema da 13ª edição da Semana de Museus, que acontecerá em todo o Brasil, por meio do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), ligado ao Ministério da Cultura. Em Campinas, a Secretaria Municipal de Cultura, por meio da Coordenadoria de Extensão Cultural (CEC), responsável pelos museus municipais, organizou cinema na praça, palestras, exposições, oficinas e observação de astros, de 18 a 23 de maio. Todas as atividades são gratuitas.

A cada ano o Ibram lança um tema para a Semana de Museus e as cidades se inscrevem e apresentam as ações que serão desenvolvidas. O objetivo é aproximar a população dos museus. A principal atividade da Semana dos Museus será o “Cinema na Praça”, na Praça Rui Barbosa, no Centro. Os filmes a serem exibidos foram selecionados pela equipe dos museus municipais de acordo com a temática de cada um deles.

O “Cinema na Praça” será na Praça Rui Barbosa, no Centro, onde haverá telão para exibição dos filmes e documentários e cadeiras para população. Ao término dos filmes, o representante do museu curador de cada filme vai conversar com o público sobre o tema apresentado.

Exposição “Aparições”

Data: até 16 de maio, sábado

Horário: terça a sexta-feira, das 10h às 18h, sábado, das 10h às 16h

“Aparições” é o nome da exposição montada no Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS-Campinas), cujo intuito é experimentar outros modos de habitar o mundo e novos possíveis para a comunicação: o que podem as imagens, sons e palavras diante da ocorrência de eventos extremos, da violência do desaparecimento das águas, dos animais, das paisagens, dos povos, dos modos com os quais estamos habituados a pensar o tempo, o humano, o corpo, a política?

Local: Museu da Imagem e do Som (MIS) – Rua Regente Feijó, 859, Centro

Realização: Labjor – Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo – Unicamp

“Cinema na Praça” – curadoria de Iracema Salgado

Filme “A história das Coisas”, com direção de Fábio Gavi

Data: 18 de maio, segunda-feira

Horário: 18h

Sinopse: “A história das coisas” (The Story of Stuff) é um filme rápido (20 minutos) que aborda o complexo sistema que vai da extração, passa pela produção, distribuição, consumo e acaba no tratamento do lixo. Segundo o documentário, esse sistema é muito mal explicado nos livros, que ignoram alguns aspectos importantes, como as pessoas que participam dessa engrenagem e os limites impostos pela natureza, por exemplo.

Local: Praça Rui Barbosa, s/n, Centro

Indicação do Museu de História Natural

Lançamento do filme “Maranhão 669 – Jogos de Phoder”, do diretor Ramusyo Brasil

Data: 18 de maio, segunda-feira

Horário: 19h

Sinopse: Deputado Lauande comemora a vitória no 31 de janeiro de 1966. Entre um trago e um teco é visitado por um anjo que o leva para uma viagem ritual. No primeiro dia um baile com Dioniso. No segundo, uma orgia para a vinda do Messias. Virá? No Cine Ebó evoca-se um Cabôco, uma Gira e Shiva para jogar capoeira ao som do berimbau. 60 minutos. Classificação indicativa: 18 anos

Local: Museu da Imagem e do Som – Rua Regente Feijó, 859, Centro.

Filme “Mercado de Noticias”, direção de Jorge Furtado

Data: 19 de maio, terça-feira

Horário: 18h

Sinopse: Jornalistas renomados discutem o papel da mídia e sua influência na democracia entre atos da peça cômica “O Mercado de Notícias”, de Ben Jonson. Uma viagem no tempo desde o surgimento da imprensa, no século XVII, até os dias de hoje, em que a sede por informação é cada vez maior. 94 min

Local: Praça Rui Barbosa, s/n, Centro

Indicação do Museu da Imagem do Som

Filme “Gravidade”, direção de Alfonso Cuarón

Data: 20 de maio, quarta-feira

Horário: 18h

Sinopse: Matt Kowalski (George Clooney) é um astronauta experiente que está em missão de conserto ao telescópio Hubble juntamente com a doutora Ryan Stone (Sandra Bullock). Ambos são surpreendidos por uma chuva de destroços decorrente da destruição de um satélite por um míssil russo, que faz com que sejam jogados no espaço sideral. Sem qualquer apoio da base terrestre da NASA, eles precisam encontrar um meio de sobreviver em meio a um ambiente completamente inóspito para a vida humana.

Duração: 90 minutos.

Classificação indicativa: 12 anos

Local: Praça Rui Barbosa, s/n, Centro

Indicação do MDCC e Observatório

Filme “Lixo Extraordinário”, direção de Lucy Walker

Data: 21 de maio, quinta-feira

Horário: 18h

Sinopse: “Lixo Extraordinário” mostra a produção de obras de arte com material coletado no aterro do Jardim Gramacho. Ao longo da produção dessas obras, entre 2007 e 2009, transformações se produzem na vida e na visão de mundo dos setes catadores participantes do projeto – entre eles, Tião Santos, presidente da Associação dos Catadores do Aterro Metropolitano do Jardim Gramacho.

Local: Praça Rui Barbosa, s/n, Centro

Indicação MACC

“O Veneno Está na Mesa”, direção de Silvio Tendler

Data: 22 de maio, sexta-feira

Horário: 18h

Sinopse: O documentário aborda como a chamada Revolução Verde do pós-guerra acabou com a herança da agricultura tradicional. No lugar, implantou um modelo que ameaça a fertilidade do solo, os mananciais de água e a biodiversidade, contaminando pessoas e o ar. O filme aborda o caso de Adonai, um jovem agricultor que individualmente faz questão de plantar o milho sem veneno, enfrentando inclusive programas de financiamento do governo que tem como condição o uso desses agrotóxicos.

Local: Praça Rui Barbosa, s/n, Centro

Indicação Museu da Cidade e do Museu do Café

Oficina “Fotografia e Palavras

Datas: 16, 23 e 30 de maio

Horário: das 14h às 18h

Ministrante: Rodrigo França

Esta oficina tem como objetivo desenvolver o poder de observação, o senso crítico e o potencial criativo a partir da interpretação, adaptação e transformação de textos em imagens. Voltada para quem quer aprender a história e desenvolvimento técnico da fotografia com o objetivo específico de criar/interpretar imagens a partir de textos selecionados. 20 vagas.

Local: Museu da Imagem e do Som (MIS) – Palácio dos Azulejos – Rua Regente Feijó, 859, Centro.

Informações: (19)3733-8800

Mostra de maquetes de prédios históricos de Campinas

Data: 18 de maio, segunda-feira, até 22 de maio

Horário: abertura às 19h e de terça a sexta-feira, das 9h às 18h

A exposição de maquetes individuais de prédios históricos traz imóveis históricos tombados ou que tenham importância na cidade, como o Pátio dos Leões (PUC Central), Catedral Metropolitana de Campinas, Instituto Agronômico de Campinas e Santa Casa de Misericórdia. As maquetes foram produzidas por alunos de Arquitetura e doadas ao Museu da Cidade. Já estiveram expostas algumas vezes, sempre com grande interesse do público.

Local: Museu Universitário da PUC-Campinas – Rua Mal. Deodoro, 1117, Centro.

Palestra e observação do céu com musica caipira

Data: 19 de maio, terça-feira

Horário: 19h as 21h30

Palestra será realizada pela equipe do Museu Dinâmico de Ciências (MDCC), com um grupo musical convidado e apoio do Observatório Municipal “Jean Nicolini”.

Local: Planetário Municipal de Campinas – Av. Heitor Penteado, s/n, portão 7, dentro do Parque Portugal (Lagoa do Taquaral). Informações: (19) 3252-2598

Realização do Observatório Municipal “Jean Nicolini” e Museu Dinâmico de Ciências de Campinas (MDCC)

Observação do céu “Astronomia na Praça”,

Data: 20 de maio, quarta-feira

Horário: 18h30 às 21h

O astrônomo Júlio Lobo promove observação do céu, com telescópio, na praça.

Local: Praça Imprensa Fluminense, s/n, Cambuí – Centro de Convivência Cultural

Realização Observatório Municipal “Jean Nicolini”

Observação do céu “Os segredos da Lua”

Data: 22 de maio, sexta-feira

Horário: 17h30 às 21h

O astrônomo Júlio Lobo promove observação do céu, com telescópio.

Local: Observatório Municipal “Jean Nicolini” – Estrada das Cabras, Monte Urânia, s/n, Serra das Cabras, Joaquim Egídio. Informações: (19) 3289-6566

Seminário “Encontro com a Cidade 2015” (Museu da Cidade e Museu do Café)

Data: 21 de maio, quinta-feira

Horário: a partir das 9h

Abertura com o secretário municipal de Cultura, Ney Carrasco; palestras “Museus e a inserção nos territórios”, com Davidson Kaeseker, do Sistema Estadual de Museus (Sisem SP) e “Museus e a busca da brasilidade”, com Janaína Camilo, do Museu Universitário da PUC. Às 14h haverá exibição do curta-metragem “Café: um dedo de prosa” e debate com o diretor Maurício Squarisi

Local: Auditório do Ceprocamp (ao lado da Estação Cultura) – Av. 20 de Novembro, 145, Centro.

Previous post

Boteco na Estação terá Velha Arte do Samba e Encontro de Ferromodelismo

Next post

Cantareira vai precisar de volume morto até final do ano, apontam projeções

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *