Home»Campinas»Bairros da região do Taquaral terão coleta mecanizada a partir de segunda

Bairros da região do Taquaral terão coleta mecanizada a partir de segunda

0
Shares
Pinterest Google+

_DSC0054

Os bairros Chácaras Primavera, Mansões Santo Antônio, Fazenda Santa Cândida e Alto Taquaral, na região leste de Campinas, recebem, a partir da próxima segunda-feira, 2 de março, a implantação do sistema de coleta mecanizada de resíduos. Mais de quatro mil domicílios serão contemplados pelo novo método de coleta.

Os 320 contêineres começarão a ser instalados na segunda-feira às 20h, horário de menor trânsito, e a coleta tem início no dia seguinte. A implantação é gradativa e deve ser consolidada em, no máximo, uma semana.

Em seguida, no dia 5 de março, o sistema começa a ser implantado entre as avenidas Brasil, Orosimbo Maia e Nossa Senhora de Fátima, incluindo a área do Colégio Liceu Salesiano. Nessa região, a previsão é implantar 350 contêineres.

O sistema está sendo implantado no município em etapas, sendo essa área a quarta a receber a estratégia. Barão Geraldo, na região norte, foi a primeira, seguida das áreas do Cambuí/Centro e Sousas/Joaquim Egídio (leste).

Os moradores serão informados sobre o novo sistema nestas quinta-feira, 26 de fevereiro, e sexta-feira, 27, por meio de panfletos que serão distribuídos nas residências. O material traz orientações sobre o novo modelo de coleta, formas do morador acessar o sistema e iniciativas para obter um resultado eficiente.

A coleta mecanizada foi prevista no Plano Municipal Integrado de Resíduos Sólidos, que integra o Plano Municipal de Saneamento Básico. A implantação foi pactuada com a comunidade em audiências públicas, com ampla participação da comunidade e seus representantes e de gestores públicos.

O que muda

Entre as informações transmitidas, a Prefeitura esclarece que, com a nova metodologia, os moradores não precisam mais deixar os resíduos na calçada ou em suportes. A partir da instalação dos contêineres, os resíduos orgânicos devem ser deixados nesses depósitos, instalados em pontos estratégicos das vias. Os recipientes serão esvaziados diariamente, no período da noite, no mesmo horário em que o recolhimento anterior era efetuado.

Após a implementação da coleta mecanizada, o material colocado em lixeiras ou suportes na porta das casas não será mais recolhido.

Vantagens

O novo sistema traz diversas vantagens. Os contêineres evitam que os resíduos se espalhem pelas ruas e também minimizam o mau cheiro, a proliferação de insetos, a exposição à chuva e animais e o vazamento de líquidos. Ainda otimizam a coleta, que passa a ser feita com o mínimo de contato humano, facilitando o trabalho e protegendo a saúde dos coletores.

Para que a coleta mecanizada seja eficiente, é fundamental que o cidadão faça sua parte no processo. Essa tarefa inclui depositar somente material orgânico no contêiner; não mudar o recipiente de lugar; fechar a tampa do contêiner e não colocar fogo na estrutura.

A coleta mecanizada é apenas para resíduos orgânicos domiciliares. O sistema de coleta seletiva e de resíduos de jardinagens não terá alteração.

Previous post

"Domingo no Lago" acontece no dia 1° de março

Next post

Peça “O Casamento do Pequeno Burguês” será apresentada neste sábado

1 Comment

  1. tereza penteado
    fevereiro 28, 2015 at 1:53 am — Responder

    No Cambui as lixeiras estão sempre com mais lixo do que os conteiners comportam, e se joga todo tipo de residuo.E cheiram muito mal.Não concoradamos com a imposição dessas lixeiras

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *