Home»Cultura»MIS apresenta os “Melhores Filmes de 2014” a partir desta sexta-feira

MIS apresenta os “Melhores Filmes de 2014” a partir desta sexta-feira

0
Shares
Pinterest Google+

cb09d26a6840897dae66eb170e57ee8c

O Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS), da Secretaria Municipal de Cultura, apresenta uma coletânea com os considerados melhores filmes de 2014, a partir do dia 9 de janeiro, sexta-feira, em diversos horários. Com curadoria de Ricardo Pereira, o ciclo “Os Melhores Filmes de 2014” será exibido em sessões gratuitas, em diversos horários. Confira os melhores do ano.

 

9 de Janeiro, sexta-feira – 19h30

A GRANDE BELEZA – Direção de Paolo Sorrentino

Em Roma, durante o verão, o escritor Jep Gambardella (Toni Servillo) reflete sobre a vida. Ele tem 65 anos de idade e, desde o grande sucesso do romance “O Aparelho Humano”, escrito décadas atrás, ele não concluiu nenhum outro livro. A partir daí, a vida de Jep se passa entre as festas da alta sociedade, com luxos e os privilégios da fama. Quando se lembra de um amor inocente da juventude, Jep cria forças para mudar a vida e, talvez, voltar a escrever. Oscar 2014 de Melhor Filme Estrangeiro. Itália/França, 2013. Colorido, 142 min.

 

10 de Janeiro, sábado – 17h

NEBRASKA – Direção de Alexander Payne

Road movie em preto e branco, Nebraska acompanha a trajetória de Woody Grant (Bruce Dern), um homem idoso e excêntrico que acredita ter ganho um milhão de dólares após receber pelo correio uma propaganda. Disposto a coletar seu prêmio, Woody vê um incidente atrapalhar seus planos enquanto atravessa o país de carro ao lado do filho problemático (Will Forte). Indicado a seis Oscars, incluindo o de Melhor Filme. EUA, 2013. Preto e Branco, 110 min.

 

10 de Janeiro, sábado – 20h

ELA – Direção de Spike Jonze

Theodore Twombly (Joaquin Phoenix) é um homem complexo e emotivo que trabalha escrevendo cartas pessoais e tocantes a outras pessoas. Com o coração partido após o final de um relacionamento, ele começa a ficar intrigado com um novo e avançado sistema operacional que promete ser uma entidade intuitiva e única. Ao iniciá-lo, ele tem o prazer de conhecer “Samantha”, uma voz feminina perspicaz, sensível e surpreendentemente engraçada. A medida em que as necessidades dela aumentam junto com as dele, a amizade dos dois se aprofunda em um eventual amor um pelo outro. ELA é uma história de amor original que explora a natureza evolutiva – e os riscos – da intimidade no mundo moderno. Vencedor do Oscar 2014 de Melhor Roteiro Original. EUA, 2013. Colorido, 126 min.

 

16 de Janeiro, sexta-feira – 19h30

CÃES ERRANTES – Direção de Tsai Ming-Liang.

Um pai e os dois filhos vagueiam como marginais em Taipei. Eles andam pelos rios e matas da periferia e pelas chuvosas ruas da cidade. De dia, o pai tenta ganhar algum dinheiro como outdoor humano de apartamentos de luxo, enquanto os filhos buscam amostras grátis de comida em supermercados e shoppings. Toda noite, a família se abriga num prédio abandonado. O pai está estranhamente fascinado pelo mural que enfeita a parede da casa improvisada. No seu aniversário, a família recebe a companhia de uma mulher. Será que ela pode ser a chave para desenterrar emoções do passado? Vencedor do Grande Prêmio do Júri no Festival de Veneza 2013. Taiwan, 2013. Colorido, 138 min.

 

17 de Janeiro, sábado – 17h

LA JAULA DE ORO – Direção de Diego Quemada-Diez.

Os jovens Juan, Sara e Samuel fogem da Guatemala para tentar chegar aos Estados Unidos com o sonho de encontrar um mundo melhor além das fronteiras de sua terra. Durante a passagem pelo México, o grupo encontra o índio tzotzil Chauk, que não fala espanhol e viaja sem documentos. Vencedor do Prêmio de Melhor Elenco na Mostra Um Certo Olhar, no Festival de Cannes 2013. México, 2013. Colorido, 110 min.

17 de Janeiro, sábado – 20h

UM EPISÓDIO NA VIDA DE UM CATADOR DE FERRO-VELHO – Direção de Danis Tanovic.

Uma família cigana vive longe dos centros urbanos da Bósnia-Herzegovina. O patriarca Nazif (Nazif Mujic) vive da venda de sucatas e a mulher Senada (Senada Alimanovic) cuida da filha pequena e dos afazeres domésticos. Um dia, ela sente uma forte dor no abdômen e é constado que o bebê que carrega está morto. Sem dinheiro para pagar a operação para tratá-la, a família corre contra o tempo para encontrar uma solução. Em 2013, ganhou o prêmio de Melhor Ator (Nazif Mujic) e o Urso de Prata de Melhor Filme do Júri no Festival de Berlim. Bósnia e Herzegovina/Eslovênia/França/Italia, 2013. Colorido, 75 min.

 

23 de Janeiro, sexta-feira – 19h30

VIDAS AO VENTO – Direção de Hayao Miyazaki

A animação acompanha a trajetória de Jiro Horikoshi, um dos maiores projetistas da história da aeronáutica japonesa. Quando criança, ele sonhou que voava em um avião em formato de pássaro e isso o levou a dedicar a vida para cumprir esse objetivo. Em sua jornada conhece a bela Naoko, por quem acaba desenvolvendo um amor de décadas. Indicado ao Oscar 2014 de Melhor Animação. Japão, 2013. Colorido, 126 min.

 

24 de Janeiro, sábado – 17h

INSTINTO MATERNO – Direção de Calin Peter Netzer

Superprotetora, uma mãe tenta evitar que seu filho de 32 anos, de quem ainda tem uma imagem infantil, seja indiciado por um acidente de carro que culminou com a morte de um rapaz. O longa aborda a dinâmica das relações familiares da alta sociedade romena. Vencedor do Urso de Ouro no Festival de Berlim 2013. Romênia, 2013. Colorido, 122 min.

 

24 de Janeiro, sábado – 20h

PAIS E FILHOS – Direção de Hirokazu Kore-Eda

Ryoata é um arquiteto obcecado com o sucesso profissional, que forma com a jovem esposa e o filho de 6 anos uma família ideal. Sua vida sofre uma grande transformação quando descobre que está criando o filho de outro homem há seis anos, já que seu filho biológico foi trocado por engano na maternidade. Vencedor do Prêmio do Júri no Festival de Cannes 2013. Japão, 2013. Colorido, 120 min.

 

30 de Janeiro, sexta-feira – 19h30

SOB A PELE – Direção de Jonathan Glazer

Laura é uma E.T. na Terra, disfarçada como uma bela mulher, que vaga por estradas remotas atraindo presas humanas com sua sensualidade. Tudo muda quando ela começa a compreender a complexidade da vida dos seres humanos, até então suas vítimas. EUA, 2014. Colorido, 108 min.

 

31 de Janeiro, sábado – 17h

 

NINFOMANÍACA – VOLUME I – Direção de Lars von Trier

Ninfomaníaca conta a jornada erótica de uma mulher, do nascimento aos 50 anos, pelos olhos da personagem principal, a autodiagnosticada Joe (Charlotte Gainsbourg). Em uma noite fria de inverno, o velho solteirão Seligman (Stellan Skarsgard) a encontra semiconsciente e machucada em um beco. Depois de levá-la ao seu apartamento, ele cura seus machucados enquanto tenta compreender como as coisas podem ter dado tão errado para a personagem. Em oito capítulos, escuta Joe recontar sua multifacetada e luxuriante história de vida. Dinamarca, 2013. Colorido, 118 min.

 

31 de Janeiro, sábado – 20h

NINFOMANÍACA – VOLUME II – Direção de Lars von Trier

Segunda parte da história de Joe (Charlotte Gainsbourg), uma mulher na casa dos 50 que decide contar a um homem mais velho (Stellan Skarsgard) sua história pessoal marcada pela obsessão pelo sexo. Dinamarca, 2013. Colorido, 124 min.

Previous post

Tarifa de ônibus sobe na RMC

Next post

Campinas monta equipe emergencial para assumir iluminação pública

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *